Branqueamento dentário: 5 dicas para manter os dentes brancos

branqueamento dentário

O branqueamento dentário é um dos tratamentos de estética dentária mais procurados em todo o mundo, pois permite melhorar a aparência do sorriso em pouco tempo. Mas há cuidados que deve ter logo após o branqueamento, para que este perdure.

1. Evite alimentos ácidos

Depois do tratamento é natural sentir alguma sensibilidade nos dentes. Isto acontece porque o esmalte fica ainda mais poroso depois do tratamento e, por isso, é possível sentir mais desconforto quando se consomem alimentos e bebidas muito ácidos.  Durante os primeiros tempos deve evitar comer alimentos ácidos ou beber refrigerantes.

2. Evite alimentos muito pigmentados

Como já referimos anteriormente, os dentes ficam mais porosos depois de um branqueamento dentário. Desta forma é mais fácil que os pigmentos contidos em alguns alimentos penetrem o esmalte e causem manchas ou escurecimento. Assim, é importante evitar vinho tinto, chá preto, café e alimentos com betacaroteno, como o tomate, a cenoura, a abóbora e a beterraba.

3. Não usar elixires coloridos

Os elixires orais são uma boa alternativa para manter o hálito fresco e combater bactérias. Contudo, depois de um tratamento de branqueamento, deve aconselhar-se junto do seu dentista para perceber qual será o mais adequado para usar depois do tratamento. Os elixires de flúor por norma são os mais indicados.

4. Não fume

Já se sabe que o tabaco é um dos grandes inimigos não só dos dentes, mas também da saúde oral em geral. As toxinas do fumo fixam-se no esmalte, causando o seu amarelecimento. Para manter um sorriso branco e bonito deve evitar fumar, especialmente após um tratamento estético dentário.

5. Faça manutenção periodicamente

Por não ser um processo definitivo e porque estamos expostos a diversos fatores que influenciam a pigmentação dos dentes (alimentação, hábitos tabágicos, etc.), o branqueamento deve ser reforçado no espaço de dois anos. Cada caso é, no entanto, avaliado individualmente.